Trabalhar em rede: é possível?

“Vivemos uma sociedade em rede” é uma frase já antiga que nos diz sobre algo lógico, porém ainda dificilmente aplicado no modo como criamos organizações, projetos e relações. Observando as interações em sociedade, 99% das organizações seguem o padrão descentralizado, e não o padrão distribuído que espera-se de uma rede. Isso significa que há vários pequenos centros de poder que se comunicam entre si, mas ainda temos poucas organizações em que todos os pontos estão ligados a todos os demais.

Continue Reading →

Movimento de transição: histórias de transformação pelo mundo

Um movimento de pessoas que se reúne para reconstruir as cidades, e mais do que isso, para cuidar umas das outras. Pessoas criando ações e projetos para recuperar a economia, estimular o empreendedorismo, reimaginar o trabalho, tecer redes de conexão, satisfazer necessidades localmente e desenvolver a capacidade de liderança criativa e emocional. Essa é a proposta do Transition Towns, movimento de transição que nasceu em 2005 no sul da Inglaterra idealizado por Rob Hopkins, e hoje já se espalhou por mais de 50 países. E esse é o movimento que o Ímpar se propõe a trazer para os espaços urbanos do Brasil.

Continue Reading →

Sociedade pós materialista e uma nova forma de lidar com recursos

O que motiva nossa evolução enquanto pessoas, empresas e sociedade é o nosso ímpeto de chegar lá. A vida parece que é uma sucessão de “estar quase chegando”, e é isso que nos move a continuar a caminhar. Ironicamente estar quase chegando é nunca chegar, e o inatingível se projetou na formação de uma sociedade ansiosa, limitada e altamente destrutiva.

Sociedade pós materialista e uma nova forma de lidar com recursos

Mas não por muito tempo. Consumo consciente, minimalismo e a busca contemporânea por espiritualidade e propósito são microtendências que refletem as transformações profundas que estamos passando enquanto sociedade. O que já podemos observar é que estamos vivendo uma preparação para passarmos de uma sociedade materialista para uma sociedade pós materialista, da era da posse para era do afeto. Uma transição capaz de transformar nossa relação com as pessoas, com os recursos, com o meio ambiente e também com o dinheiro.

Continue Reading →

Manifesto Ímpar

É tempo de TRANSIÇÃO. 
Por isso TRANSFORME. Deixe ir o que não cabe mais: os medos, as crenças, as instituições.
Esqueça os MODELOS, agora é você quem vai dizer como o futuro pode ser.

RECONSTRUA. Uma, duas, quantas vezes precisar. Porque o futuro é construção e também desconstrução. É criar e recriar com a única certeza que não chegará a uma versão final.
Respeite as diferenças, faça melhor CELEBRE as diferenças.
De opinião, de vontade, de tesão.
Seja quem você quiser ser, expresse sua INDIVIDUALIDADE. Viva a sua VERDADE.
É tempo de MULTIPLICIDADE.

Continue Reading →

Uma jornada de liderança criativa para criação de projetos de transição na cidade

Vivemos um momento de grandes transformações. Um momento de transição, no qual questões complexas nos exigem mudanças profundas em como nos organizamos como sociedade e em quem somos enquanto pessoas. Mas transição para onde? Nosso objetivo é criar melhores futuros nas cidades com a disseminação de ferramentas para que pessoas engajadas possam assumir seu papel transformador no mundo. Acreditamos que podemos criar modelos mais conscientes e uma cidade mais colaborativa, justa e porque não, mais divertida também?

Continue Reading →

Thinking Environment: comunicação para conexão

As pessoas com quem você convive não precisam dos seus conselhos, e você não precisa dos conselhos das pessoas para tomar decisões na sua vida. A forma como interagimos com as pessoas atrapalha elas a pensarem por si próprias, e isso impacta negativamente na qualidade de tudo que elas fazem depois. Quando não ouvimos o outro não permitimos que ele expanda sua inteligência. Nós não somos apenas o que temos a oferecer e acrescentar, e sim como somos capazes de receber. Quando desistimos de provar quão bom somos é que realmente somos amados. Ao escutar alguém, você não faz a menor diferença e ao mesmo tempo faz total diferença. A comunicação entre duas pessoas não se dá apenas a nível da linguagem, e quando incluímos o que sentimos nas nossas interações acessamos um nível maior de consciência e conexão. 

Continue Reading →

Nos comunicamos através de energia

Biólogo Celular, Bruce Lipton, Ph.D, revela a conexão entre a Teoria Quântica e sentimentos.Tradução do vídeo abaixo.

“O mundo está em estado de evolução. E o que eu quero dizer com evolução não é evolução física. Humanos não vão mudar e ser algo diferente. A evolução que estamos experimentando agora é uma evolução na consciência. No passado, a consciência, nos separava como indivíduos e a consciência nos programou com a crença de que a vida é uma luta. Para sobrevivermos precisaríamos estar em competição uns com os outros, rebaixar e minar nossos competidores. E nós estávamos atuando como indivíduos, focando em nosso próprio poder individual. Mas no mundo de hoje há um novo entendimento que a evolução é uma evolução de consciência. E a evolução é uma expansão, de que somos mais que entidades físicas, e que sim há uma energia envolvida.

Continue Reading →

Processos criativos em tempos de transição

Como podemos viver melhor, de maneira mais sustentável ecológica, social e economicamente? Essa é uma pergunta antiga e transição nada mais é que uma nova forma para tentar respondê-la. 

Não dá mais para negar que nosso atual sistema social e econômico dificilmente irá se sustentar por muito tempo. A perda de biodiversidade, a desconexão com nós mesmos e com outros, as mudanças climáticas, os altos índices de doenças psicológicas, o colapso de sistemas políticos, uma economia que não consegue crescer mais, a alta dependência de combustíveis fósseis e o pico do petróleo são alguns dos desafios complexos que enfrentamos no atual momento da humanidade. Mais que o impacto do desenvolvimento tecnológico ou as decisões de grandes instituições, aquilo que fazemos na nossa vida diária é uma escolha política, social e econômica. Aquilo que se faz em sociedade é uma escolha ou não por fazer uma transição.

Continue Reading →

Transição, tecnologia e consciência

Há quase dois anos comecei a estudar sobre tecnologia, tendências e futurismo, e muito do que eu já percebia no mundo começou a fazer sentido. Muitas fichas caíram e eu percebi que o momento que nos encontramos na história da humanidade é de transição, o que virou meu objeto de estudo e projeto de vida.

Mas pouco a pouco o viés futurista e tecnológico começou a me parecer insuficiente para entender o contexto a qual estamos inseridos. Principalmente após minha ida à Schumacher College, entendi que a transição está muito mais relacionada ao ser humano que a tecnologia. E foi justamente sobre consciência e tecnologia que o meu bate papo com o Renato Stefani do Hacklife girou.

Continue Reading →

Transição, criatividade e amor

Como podemos viver melhor, de maneira mais sustentável ecológica, social e economicamente? Essa é uma pergunta antiga e transição nada mais é que uma nova forma para tentar respondê-la. Transição, criatividade e amor podem fundamentar caminhos para a construção de melhores futuros possíveis, e é sobre isso que tenho estudado e vivido nos últimos tempos.

Transição porque?

A experiência de estar vivo e criar nesse planeta tem grande relação com o modo como nós seres humanos desenvolvemos e interagimos com tecnologia e assim criamos economia. Desde o início dos anos 2000, com o surgimento e disseminação da internet, assistimos lentamente nossas vidas, e o modo de produzir riqueza, sendo ressignificados. De um chat no ICQ de madrugada aqui, a um smartphone que de forma quase despercebida se acopla a nosso cérebro acolá, vivemos o avanço tecnológico dia após dia. E muitas vezes sem nem mesmo nos darmos conta disso.

Continue Reading →